Que tipo de aluno é você ?


Depois de uma semana de prova, um balanço merece ser feito com cuidado. Precisamos parar para refletir se o que estamos fazendo é o certo nos estudos e procurar descobrir o que há para melhorar ao longo do semestre. Se no final dessa reflexão percebermos que todos os professores são ruins e por isso  não conseguimos entender nada da aula, será trágico!  Pois, ficará claro que o problema estará em nós.


O acadêmico de direito tem que ser dinâmico e inquieto, portanto devemos estar sempre buscando mais do que nos oferecem. Também, não podemos aceitar tudo o que nos passa como sendo verdade absoluta, pois o professor pode estar dando apenas um lado das várias correntes existentes sobre o tema. Portanto, não se acomode, busque sempre mais!


Percebo que na maioria das vezes é mais fácil colocarmos a culpa no outro, e nesse caso, "o outro" é sempre o professor. Embora possa soar, isso não é uma defesa em favor dos professores, até porque, para alguns, realmente não há defesa. Mas, é hora de para de reclamar, mudar de postura e começar a correr atrás, afinal estamos no 8º período.

Para que pagar caro um curso universitário, vir à aula todos os dias e no dia da prova colar. Não consigo entender !? Se há professores para explicar a matéria e tirar as dúvidas, porque levá-las para casa?  Explore o professor. Suga todo o seu conhecimento. Aproveite! A maioria deles adoram um desafio e instigar um debate em sala é sempre vantajoso. E nunca deixe para estudar somente no dia da prova.

Temos que criar o hábito de participar das aulas e não somente assistir. E também, de ler, antecipadamente, o conteúdo programado para aula do dia,  assim será mais fácil acompanhar o professor.

Lembrei-me de uma aula, que um professor passou um texto motivacional para turma. Então, procurei alguma coisa parecida na internet e vou compartilhar com vocês.

ALUNO URUBU é aquele aluno sempre insatisfeito com tudo que o cerca. Exatamente por isso, não chega nunca a lugar nenhum, acha que está gastando muito dinheiro à toa para estudar; vê falhas em tudo o que o cerca, dos professores aos banheiros, do ar condicionado à grade horária, do cafezinho nos intervalos aos bebedouros, do serviço de limpeza à comida da lanchonete, e por aí afora. É uma figura lamentável, que só sabe reclamar. Pior: nem se dá o trabalho de olhar para o próprio umbigo a fim de descobrir por que não conseguiu ir bem nas provas.

O ALUNO ÁGUIA é o aluno que voa alto, observa todo o panorama lá de cima e, quando mergulha em direção à presa, jamais erra o alvo. A comparação com a ave de rapina e sua natureza de caçadora pode parecer exagerada e até cruel, mas não é. Uma águia vence a tempestade voando mais alto do que as nuvens da tormenta. Uma águia arranca as penas ruins para que outras nasçam novas e fortes. Uma águia consegue garras mais poderosas esfregando-as nas pedras da montanha. Uma águia ensina os filhotes a voar obrigando-os a sair do ninho e superar o medo do primeiro bater de asas, pois sabe que, se eles não conseguirem, não poderão sobreviver sozinhos na natureza. Uma águia está preparada para vencer qualquer dificuldade. Até mesmo quando chega o momento de morrer, ela demonstra altivez e escolhe o lugar do repouso eterno: voa para o lugar mais alto da montanha e lá, finalmente, descansa.

O ALUNO PAPAGAIO: Trata-se daquele tipo de pessoa que está sempre anunciando coisas que acaba não fazendo, prometendo o que não vai cumprir ou garantindo aquilo que não tem como dar. A frase característica do PAPAGAIO é: "Deixa comigo, isso é moleza. Vou gabaritar  e arrebentar na prova."

Quando chega a prova, no entanto, tudo que esse cara consegue, em vez de arrebentar, é se arrebentar. O fato é que esse tipo de aluno fala demais, porém não leva nada a sério, nem a si mesmo. Vive enganando a todos, como se estudasse de verdade. Mas o coitado nunca vai passar, porque tudo que diz é da boca pra fora. Ele pode até ser um bom colega, ter um papo agradável, garantir momentos divertidos como contador de histórias e piadas, mas não vai ajudar ninguém nem chegará a lugar algum.


E VOCÊ QUE ALUNO É ?





Postagens mais visitadas deste blog

MODELO DE AÇÃO DE COBRANÇA - Novo CPC